O SANTISTA DE 50 MIL RÉIS

  Joaquim Xavier da Silveira Júnior, ilustre desconhecido em sua terra natal, conquistou uma honra obtida apenas por personalidades de grande destaque da história...

Um santista na Big Apple

  “Bonifácio não é patrimônio exclusivo dos brasileiros. Sem dúvida pertence a todo o hemisfério ocidental” Spruille Braden, diplomata norte-americano em discurso durante a...

PÃO DE CARÁ, A CARA DO SANTISTA

Iguaria, que ganhou status de patrimônio de Santos, tem registros históricos que remontam à década de 1910 Santos, 23 de março de 1911. O...

Caravela estilizada que rememora 500 anos dos Descobrimentos Portugueses perdeu seu rastro de navegação

Monumento produzido em comemoração aos 500 anos dos descobrimentos portugueses foi inaugurado pelo primeiro-ministro de Portugal, Cavaco Silva. É a única obra da cidade...

BALEIA “MOBY DICK” PASSA POR SANTOS EM TURNÊ INTERNACIONAL

Anunciada como a estrela do famoso livro de Herman Melville, escrito em 1851, e dos cinemas, cetáceo impressionava pelo tamanho e pelo uso absurdo...

PRIMEIRA ATRAÇÃO “TURÍSTICA” DE SANTOS FOI UM “VULCÃO”!

Fenômeno geológico atraiu centenas de pessoas ao recém-criado bairro da Vila Macuco. Linhas de bonde e de barcos foram colocadas à disposição para atender...

Santos sofre sua primeira incursão pirata, em 1583, com Edward Fenton

Desde o início do povoamento, os primeiros santistas aprenderam a se defender, razoavelmente bem, dos ataques promovidos pelos índios contrários à ocupação europeia. A vantagem dos...

Uma breve história do casarão do Instituto Histórico e Geográfico de Santos

Construído entre 1886 e 1887, a mando do comerciante Domênico Levreiro, que adquiriu o terreno do tenente-coronel Francisco Martins dos Santos e sua esposa...

Santos quase teve uma obra com assinatura de Oscar Niemeyer

Rio de Janeiro, 4 de novembro de 2010. A expectativa era pulsante, incontestavelmente sentida por todos os cantos da enorme sala de 200 metros...

A primeira visita de uma fragata a vapor no Porto de Santos (1854)

Santos, 26 de janeiro de 1854. O movimento do porto de Santos estava normal até que, em determinado momento, os trabalhadores dos trapiches situados...